Elemental Evil - Profetas do Fim dos Tempos

Emissários da Cidade dos Esplendores

Terceira Sessão

[incluir texto e imagens da aventura]

Adicionalmente, dois novos personagens foram incluídos na campanha, ambos representando os interesses de Waterdeep na disputa pela supremacia do Vale Dessarin:

female_thayan_cleric.jpg

Sefris Fezim, descendente de uma família de expatriados que fugiram de Thay quando o lich Szass Tam deu um golpe de estado no reino e transformou todos governantes (chamados zulkirs) em seus servos mortos vivos, Sefris fixou-se na Cidade dos Esplendores e dedicou-se a aumentar a influência mercante de sua família, que comercializa itens arcanos e iguarias vindas do Oriente distante. Pertencente à exótica etnia mulan, a família de Sefris levou bastante tempo para ser considerada confiável, haja vista a herança carregada por seus antepassados e compatriotas, além do fato de alguns de seus descendentes terem venerado séculos atrás o antigo deus da morte, Myrkul. Recentemente, alguns passaram a seguir a divindade da morte e dos mortos mais recente, Kelemvor – considerada muito mais justa do que seu cruel antecessor. Sefris decidiu dedicar-se na fé daquele que é considerado o escriba dos mortos, que fora braço direito tanto de Myrkul quanto de Kelemvor. Assim, Sefris tornou-se uma clériga de Jergal, o Escriba dos Mortos. Ela é uma humana da etnia mulan.

Alantar_portrait.png

Alantar Wingstarl, um meio elfo feiticeiro que até pouco tempo não tinha qualquer informação sobre a sua descendência paterna, a qual ele sempre acreditou que fosse dracônica, em razão de estranhos eventos que cercaram a sua infância e adolescência. Criado na protegida Evereska, Alantar sempre perguntou à sua mãe mais a respeito de seu pai. Para sua surpresa, Alantar descobriu mais tarde que seu pai foi nada menos do que Ashemmon, um dos feiticeiros mais poderosos de Waterdeep e um dos detentores do título de Blackstaff (o Cajado Negro) na Cidade dos Esplendores. Com isso, Alantar descobriu que é neto do infame arquimago Sememmon, que fora um dos líderes da facção conhecida como Zhentarim, no final do século passado, e que sua herança dracônica na verdade vinha de sua mãe elfa, Anahha. Mesmo considerando que Sememmon teria, ao final de sua vida e por amor à sua então esposa Ashemmi, aliado-se a Khelben “Blackstaff” Arunsuun e com outras forças do bem, Alantar ainda não sabe se como a sua descendência humana paterna e sua herança élfica (e dracônica) materna irão forjar o seu caráter no futuro.

Comments

Gente segue aqui o loot, total e já dividido por 4:
4 gems
108 gp
165 sp
1 wand of magic missiles

O total por pessoa ficaria:
1 gem
27 gp
41 sp
25 cp
Lembrando q dividi isso por 4 (Dom, Fe, Ka e Retz)

A wand eu gostaria de ficar se todos concordassem
Abraços

george_bonfim

I'm sorry, but we no longer support this web browser. Please upgrade your browser or install Chrome or Firefox to enjoy the full functionality of this site.